A ORIGEM DO SAMBA

Tia Ciata e a origem do samba

A origem do samba foi a cidade do Rio de Janeiro. Uma feliz inspiração em rítmos como o Lundu, Maxixe, Habanera, Polca-lundu, a Umbigada e o Tango Brasileiro.

samba é um gênero musical que surgiu no Brasil, no começo do século XX, e é reconhecido nacional e internacionalmente como um dos símbolos do país. O samba tem suas raízes nas influências culturais afro e europeias. Essa expressão cultural é considerada patrimônio cultural imaterial brasileiro e surgiu nas comunidades de afro-brasileiros em alguns bairros do Rio de Janeiro.

As raízes do samba remontam ao início do século XIX, quando a população escravizada do Brasil começou a se reunir para cantar e dançar em celebrações religiosas e festivais. Reuniam em quintais, terreiros – de onde surgiu a Expressão ‘Terreiros de Umbanda’. Tia Ciata (imigrante baiana) foi uma dessas representantes importantes desse movimento, emprestando o seu terreiro para as celebrações. Essas celebrações eram um meio de manter viva a cultura e as tradições africanas, que haviam sido trazidas pelos escravos para o Brasil.

A música e a dança dessas celebrações religiosas evoluíram ao longo do tempo, e novas influências foram incorporadas. A música europeia, teve grande influência na evolução do samba. Os instrumentos de percussão africanos foram combinados com instrumentos de sopro e cordas europeus para criar uma nova sonoridade. Essa mistura de influências culturais é uma das características mais distintas do samba.

A partir do início do século XX, o samba se espalhou por todo o Brasil e se tornou uma parte importante da cultura popular.

O samba se carcateriza pela síncopa ou síncope. A síncope, que é uma característica distintiva do samba; essa característica tem suas raízes nas tradições musicais africanas trazidas pelos escravos para o Brasil. Na música africana, a síncope é uma técnica utilizada para criar tensão rítmica e aumentar a energia da música.

Mas o que é a síncope?

A síncope é a colocação do acento rítmico em um tempo fraco ou fora do tempo regular, o que cria um efeito de “quebrar” o ritmo. Isso é especialmente evidente no samba, onde a síncope é usada para criar este ritmo contagiante que chamamos de sincopado que são tão caraterísticos na nossa música como o samba, forró, baião, maracatu, frevo e outros.

A síncope no samba foi aprimorada ao longo do tempo através da incorporação de influências europeias, como a música de bandas militares e a música clássica. Os músicos brasileiros incorporaram essas influências ao samba, combinando-as com as tradições musicais africanas e criando um estilo musical único e inconfundível.

Com o tempo, o samba se tornou um gênero musical diversificado, com muitos subgêneros diferentes, como o samba-enredo, o partido alto e o pagode. Cada um desses subgêneros tem sua própria abordagem à síncope e ao ritmo, mas todos eles compartilham a mesma base rítmica e o uso característico da síncope.

Hoje em dia, o samba é uma parte importante da cultura popular brasileira e é associado ao carnaval e a outras celebrações festivas. A síncope continua a ser uma característica distintiva do samba e é uma parte fundamental de seu som único e inconfundível que é admirado em todo mundo.

PELO TELEFONE foi o primeiro samba gravado po DONGA e foi composto no quintal da TIA CIATA, Praça Onze.  Por ter sido um grande sucesso e devido ao fato de ter nascido em uma Roda de Samba, de improvisações e criações conjuntas, vários foram os músicos que reivindicaram a autoria da composição

Fonte:

  • https://www.youtube.com/watch?v=X99_DMzHPNg
  • https://pt.wikipedia.org/wiki/Pelo_Telefone

8 thoughts on “A ORIGEM DO SAMBA

  1. D. Nilce que maravilhosa a nossa cultura musical. Gosto muito de samba e conhecer sua história, agregou-me mais conhecimento e admiração.
    Parabéns pelo artigo.

    1. Marici,
      Eu também amo a nossa história, as nossas raízes e a nossa cultura.
      A próxima postagem é sobre a UMBIGADA, uma dança afro com ritmo contagiante que influenciou também o ‘nascimento’ do nosso samba.
      Grata
      Nilce

  2. Nilce, é tão bom poder conhecer a fundo a cultura Brasileira. O seu blog ajuda a nossa memória não ser esquecida. Precisamos valorizar a quem nos ajudou a construir quem somos. Parabéns!

  3. Aila
    Obrigada amiga pelo seu apoio.
    Sim, eu considero a simplicidade uma das maiores qualidades que podemos cultivar.
    As letras das músicas daquela época eram puras, refletindo verdadeiramente os sentimentos das pessoas. Por muitos anos ainda conservanmos essa qualidade. Infelizmente vemos na letras de hoje que a estamos perdendo.
    Bjs
    Nilce

  4. Que maravilha de explicação sobre essa cultura brasileira. Ouvindo o telefone notamos a riqueza do ritmo e letra, que traz a simplicidade, essa que tanto nos falta hoje em dia.

    Parabéns Nilce.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.